Conte a sua história de motivação pessoal

Vou compartilhar minha história profissional…

Com doze anos queria ter meu dinheiro e comecei a fazer porta-objetos de palitos de sorvete e para completar minha pequena renda enquanto guardava carros na feira. 

Com treze trabalhei de funileiro onde aprendi a lixar, soldar e a pintar carros.

Com quatorze anos, no meu único emprego registrado fui office-boy numa malharia e para complementar minha renda vendia malhas de algodão. 

Dezoito meses depois fui dispensado e comecei a revender sacos de lixo na rua. O saco de lixo deixou de ser rentável, fiz cursos de perfumaria e passei a fabricar e vender perfumes e cosméticos. 

Quem comprava perfume poderia comprar outros produtos, assim fiz outro curso, aprendi a confeccionar gravatas, emprestei a máquina da minha mãe e vendi tantas que após vinte anos conheço pessoas que ainda usam gravatas que costurei. 

Fui convidado a vender lingerie e pensei, por que não? Aprendi sobre modelagem, bojos, perdi a vergonha e confesso que foi muito divertido. A confecção entrou em crise, passou a fabricar cintas modeladoras pós-cirurgia plástica e não só vendi como me tornei modelo do catalogo masculino.

Depois de um tempo comprei uma avícola junto com meu pai e passei a criar, matar, despenar, limpar e vender frangos e galinhas e até hoje corto frango com destreza.

Formei-me em contabilidade, vendi a avícola, estagiei seis meses no escritório e montei um pequeno escritório onde oferecia meus serviços de comércio em comércio. 

Decidi construir minha casa, e sem dinheiro trabalhei de servente de pedreiro com meu pai e do alicerce ao acabamento dez meses depois minha casa ficou pronta. 

Continuei estudando, me formei em marketing e pós em gestão de negócios, fiz mais de 100 outros cursos, escrevi o primeiro livro, fiz a primeira palestra e hoje após sete livros e centenas de palestras, garanto que o segredo não está nas funções que escolhi exercer, mas em exercer tudo que escolhi com dedicação e alegria, esperando continuar igualmente assim em todas aquelas que um dia também poderei exercer.

 


Anderson Hernandes

escritor e palestrante

Cadastre-se e receba informações

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.