Quando a vida fecha uma porta…

A vida muitas vezes nos fecha uma porta e ficamos lá esperando ela abrir, mas ela nunca se abrirá, simplesmente pelo fato de que a vida decidiu nos abrir uma outra porta. O que então nos resta fazer? Chorar, lamentar e achar que a vida é injusta? Não precisar ser assim… Cada minuto lamentando uma porta fechada é um tempo perdido na busca de uma porta alternativa.

Eu sempre quis ter um filho, sempre desejei ter um propósito maior, alguém que pudesse olhar e saber que era parte do meu sangue. Mas a vida não quis assim, ela simplesmente disse: “Ei cara, essa porta não se abre, está fechada e pronto!”

Hoje eu recebi um cartaz da minha filha e quero compartilhar com você. Ela é a resposta de uma porta alternativa:

oportunidade-adoção

Quantas vezes eu perdi meu tempo, chorando e pensando: “Porque a vida simplesmente fechou a porta para mim? Tanta gente com tantos filhos e eu não sou capaz de ter o meu?” O tempo passou e reconheci que estava perdendo meu tempo reclamando sem necessidade, pois atrás de mim havia outra porta, uma outra saída, uma oportunidade diferente.

Foi só depois de um dia que tive uma lembrança, de quando era criança, que sempre olhava as crianças abandonadas e pensava: “Um dia vou adotar um filho.” Mas eu não sabia, não sabia que aquele sonho de criança era um prelúdio para o que aconteceria muitos anos a frente. E foi olhando para trás que vi a porta, sim a vida tinha deixado uma porta aberta, bem atrás de mim e em cima dela estava escrito: Adoção!

Hoje, depois de dez anos, não tenho palavras para agradecer pela vida ter fechado aquela porta, pois sem ela não teria sido possível conhecer meus dois amados filhos adotivos. Eles não são do meu sangue, mas o que isso importa? Existe algo mais importante do que aquilo que vem do coração? Me orgulho de muitas conquistas na vida, mas nada me proporciona tanto orgulho quanto ser um pai adotivo.

Quando a vida te fecha uma porta, seja ela qual for, você tem algumas alternativas. Pode ficar se lamentando, se sentindo injustiçado ou pode olhar a sua volta e buscar alternativas, uma nova porta e agir, simplesmente agir.

Porque a vida é assim, uma porta se fecha e outra se abre e caberá a você decidir procurar onde ela está.

Cadastre-se e receba informações

4 Comentários

  1. Patricia Maria Guimaraes

    Muito bom, me emocionei e realmente é a pura verdade, pra que se lamentar vamos seguir em frente, sempre haverá uma outra saída,

  2. Obrigado Vinicius pelo seu comentário e por acompanhar meu trabalho!!!

  3. Lucy

    Lindo texto, lindo gesto!! Parabens…

  4. Vinicius Flores

    Boa tarde,

    Anderson, tudo bem?

    Maravilhoso artigo, é quando vemos esse tipo de atitude acerca dos desafios da vida, que entendemos e nos orgulhamos de termos a escolha em mãos…nós somos juízes de nós mesmo, e cabe a cada um a decisão de ficar ou não parado, ou simplesmente encarar a beleza arriscada da vida…

    Atenciosamente,

    VINICIUS FLORES
    CONTADOR

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.