Devo ou não devo ter um serviço de contabilidade virtual?

Na reta final do lançamento do meu novo curso Como Montar um Escritório de Contabilidade Online uma pergunta ainda intriga muitas empresas contábeis: Devo ou não devo ter um serviço de contabilidade virtual? Para responder a essa pergunta vamos considerar alguns fatos importantes.

As mudanças tecnológicas

Nos últimos anos passamos por grandes evoluções no mercado contábil. Dentre elas podemos destacar a tecnologia que tem sido muito bem empregada pelo fisco no monitoramento e fiscalização dos contribuintes. Paralelamente os nossos sistemas de ERPs contábeis também evoluíram e passaram não somente reunir as áreas contábil, fiscal, departamento de pessoal e cobrança de escritórios, mas agregaram serviços de gestão de documentos na nuvem, relacionamento com o cliente, tarefas e processos internos e muitas outras informações que permitem uma relação muito mais profissional com o mercado. Hoje é possível gerir uma empresa contábil com a mesma riqueza de detalhes de uma indústria por exemplo, pois existem ferramentas disponíveis no mercado para isso.

Para os serviços online existem ferramentas já prontas para tudo que uma empresa contábil possa necessitar, permitindo o atendimento a distancia com segurança a praticidade. Essas ferramentas serão abordadas no curso.

Successful business online banking concept with hand touching mobile tablet vector illustration

O cliente mudou

Você não tem tempo, eu não tenho tempo e o nosso cliente também não tem tempo. Há 10 anos atrás a sua sede servia de referência para o seu cliente, ele ia lá participar de reuniões com você e tomava um café gentilmente servido para ele. Ter uma empresa contábil bonita, bem equipada e apresentável era uma maneira de tangibilizar a qualidade dos seus serviços contábeis. Mas o cenário mudou!

O seu cliente não quer mais te visitar e você não também quer ser visitado por ele. Ambos querem aproveitar melhor o tempo e sabem que ficar em uma mesa de reunião tomando café não é sinônimo de resultados como antes. Hoje já é possível alcançar resultados a distância.

Mas talvez você se pergunte: Mas, como fica toda a infraestrutura que eu investi na minha empresa contábil? Ela é para a sua equipe e não diretamente para o seu cliente. Se a sua equipe se sente bem, seu atendimento ao cliente será melhor, mesmo que seja na modalidade de contabilidade online.

Atualmente, na nossa empresa contábil atendemos até mesmo indústrias a distância e não pense você que são microempresas, pois não são. Temos clientes que faturam mais de 5 milhões por mês e que não conhecem a nossa sede, ou seja, eles nunca nos visitaram e e provavelmente nunca vão tomar um café na minha sala de reunião, sala essa que hoje já possui a metade do tamanho que tinha há 5 anos.

A mudança dentro da empresa contábil

Se a sua empresa contábil não está mudando a forma de se relacionar com o mercado é melhor você começar a se preocupar. Sim há algo de errado com ela!

No meu trabalho de consultoria de marketing contábil tenho acompanhado empresas em todo o Brasil e todas as que conheci estavam investindo para se adequarem a uma nova realidade de mercado: conquistar e se relacionar com clientes pela internet. Por esse motivo ter presença na internet é imperativo nesse momento. A maioria está na internet, mas ter presença na internet é diferente de simplesmente estar presente.

Vivemos em um momento em que você tem a oportunidade de decidir: Ter presença efetiva na internet ou ficar estagnado no mercado.

Aí veio a contabilidade online

O mercado contábil está assustado (sem mencionar revoltado) com o que algumas empresas contábeis têm feito com o preço dos serviços contábeis na contabilidade online. Menos de 50,00 por um serviço contábil? Como posso concorrer com esses caras? Relaxe, eles têm um modelo de negócio e esse modelo de negócio não vai quebrar a sua empresa se você criar um modelo próprio modelo para o seu negócio.

O que quero destacar nesse momento que vivemos é a ruptura do mercado contábil. Pela primeira vez surgiu uma empresa que bateu no peito e disse: Nós cobramos pouco pela contabilidade e daí? Ah, mas então significa que eu concorde com esse modelo de negócio? Pera aí, não coloque palavras na minha boca, pois não é isso que estou dizendo. Não estou aqui para dizer se está certo ou errado o modelo deles e se é ético ou não (isso é problema do CFC) cobrar tão pouco pelo serviço contábil. O que quero dizer é que você pode aprender com esse a estratégia de mercado e criar a sua própria estratégia de serviços onlines.

Tenho recebido muitas pessoas me perguntando se podem lançar um serviço para concorrer com preço de 49,00 e a resposta é: Não se engane, não existem dois Google e duas Apple, eles são únicos e o que eles tem em comum é o fato de terem, em algum momento, criado um modelo de negócios que se tornou um divisor de águas no mercado.

Esse é o momento em que vivemos, um momento de ruptura! E é você que deve decidir se vai desenhar o seu modelo de contabilidade online ou se vai ficar olhando meia dúzia de empresas contábeis dominarem o mercado.

A boa notícia: No mercado de contabilidade online há clientes contábeis para todos os formatos: Do 49,00 ao 4,999,00 (ou mais). No meu curso você vai aprender a desenhar a sua própria estratégia e com isso conquistar o seu espaço no mercado.

Nesse momento (12/07/2015 às 16:24hs) eu já tenho 103 novos alunos que decidiram buscar uma alternativa para o seus escritórios contábeis. Quando lancei o curso eu decidi que daria como bônus uma hora de consultoria para os 100 primeiros alunos, mas recebi tantos e-mails de profissionais preocupados em perder a sua consultoria que decidi estender a consultoria online gratuita para outros 50 alunos e permitir que mais empresas contábeis possam ter um projeto apoiado diretamente por mim. Gravei um vídeo falando sobre isso:

Bem, esse é o momento único no mercado. Pela primeira vez existe um curso que vai ensinar os segredos para criar do zero uma estratégia de contabilidade online completa, incluindo estrutura, ferramentas, pessoas e marketing contábil digital. Faça a sua inscrição agora e garanta a sua vaga. Você tem pouco tempo pois vou fechar as inscrições nos próximos dias.

Conte comigo e sucesso,

Anderson Hernandes

Cadastre-se e receba informações

5 Comentários

  1. Olá Nailton, é preciso mesmo tomar cuidado pois as obrigações sufocam o gestor. Obrigado por me acompanhar e invista na mudança do seu negócio!!!

  2. Sou contador, tenho um escritório contábil e nunca desenvolvi marketing do meu escritório, ficando sempre preso com as inúmeras obrigações impostas pelo governo, com isso deixamos de fazer um trabalho mais preciso para o cliente… Assistindo alguns videos do Anderson Hernandes, achei muito interessante esse novo formato de marketing contábil digital… pretendo fazer um curso voltado para esse novo nicho, pois, quero um dia trabalhar somente para um determinado seguimento, acredito que o curso vá abrir um leque de ideias e oportunidades.

  3. Valter Cristofolli

    As oportunidades devem ser buscadas a todo o momento, mas considerar que o contador tem honorários abusivos é no mínimo desmerecer a categoria. você sendo profissional se tiver na pratica conhecimentos das rotinas sabe que não há magica. vender um curso para prostituir a profissão é no mínimo falta de consideração com a ética e com o respeito a profissionais que não apenas decidem ter um canudo e fazer qualquer coisa para agradar empresários que não valorizam o profissional que é o cerne da administração. “Quem não tem competência que não se estabeleça” ouvi este discurso de um técnico em contabilidade em 1979, quando perguntei a ele.
    Como os empresários na época reclamavam muito dos custos, inclusive do contador.

  4. paulo de oliveira

    Não tenho escritorio, sou contador gostaria de montar um

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.