Não pense que as pessoas te entenderão, porque não te entenderão e tampouco compreenderão. Entender o que acontece não é difícil, basta você pensar em quantas vezes nem mesmo você conseguiu entender a si mesmo.

Não pense que as pessoas não te julgarão, porque a verdade é que sempre te julgarão. E o pior é que te julgarão com base naquilo que julgam para si mesmas como certas, somente com o que são capazes de enxergar e com base na sua própria conveniência.

Não pense que as pessoas reconhecerão tudo que você fez, pois não reconhecerão. A verdade é que temos importância relativa na vida das pessoas e temos valor enquanto podem usufruir dos benefícios que temos a oferecer.  

Não pense que as pessoas perdoarão aquilo que fez, ou que imaginam que fez, pois não perdoarão. E mesmo quando disser que esqueceram e que tudo passou, a grande verdade é que não esqueceram e não passou.

Não pense que todas as amizades são eternas, porque a verdade é que a maioria daqueles que você imaginou que seriam seus amigos eternos na realidade nem sequer um dia foram seus colegas.