Aproveite as oportunidades e saiba de que forma o seu conhecimento pode resultar em serviços complementares que agreguem valor e mudam a percepção que o cliente tem sobre sua empresa.

EMPREENDER NA CONTABILIDADE E BPO FINANCEIRO

Sabemos que empreender não é fácil, principalmente empreender e criar possibilidades.

Neste artigo você vai conhecer um pouco da trajetória da Nayara Momesso que empreende na contabilidade e é CEO da Flui Finanças, atuando com serviço de BPO Financeiro e consultoria financeira.

A trajetória da empreendedora

Como será que ela consegue fazer tudo isso, sem perder o foco?

Ela diz que é bem difícil, mas que é muito importante pensar em prioridades.

O que pode ajudar é ter um planejamento semanal, feito com antecedência. Ela estabelece metas semanais e faz as entregas conforme as metas.

É claro que uma coisa ou outra não vai sair como planejado, mas o importante é ter em mente o que precisa ser feito e não desistir.

Nayara não tinha aspiração de trabalhar como contadora, mas decidiu dar uma chance para a contabilidade, porque  seus pais sempre trabalharam com contabilidade e já tinham um escritório fundado.

imagem que represente Anderson e Naiara conversando
No dia a dia, trabalhando na empresa dos pais, ela sentiu a necessidade de empreender

Ela buscou entender mais sobre finanças pessoais, já que não se sentia preparada para lidar com o assunto e aplicar na própria vida.

Construindo a presença no digital

Ela percebeu que essa era uma dor de muita gente e começou a compartilhar o que estava aplicando no Instagram e esse virou um serviço adicional oferecido pela Momesso.

Essa presença digital foi muito importante para a empresa, e para que ela conseguisse estabelecer sua imagem no mercado.

Ela, como muita gente, tinha vergonha de gravar vídeos, mas persistiu e superou isso.

imagem que represente pessoa insegura para gravar vídeos
É importante romper essa primeira barreira e as oportunidades vão surgir

É possível ver claramente que existe um espaço a ser preenchido pelos contadores, nessa questão de finanças.

Alguns contadores tentaram se posicionar, mas nenhum dos que acompanho, se destacou da forma como vejo que há espaço.

Se isso for bem trabalhado de uma boa forma pela Nayara, com certeza terá resultados ainda melhores.

Redes Sociais

Atualmente ela trabalha mais a questão do Instagram, mas para subir o nível de resultados terá que ir para o Youtube de fato.

imagem que represente pessoa assistindo vídeo no Youtube
O Youtube é a rede que a sua autoridade é construída

Isso porque o tempo de vida daquilo que você produz no Instagram é infinitamente menor do que no Youtube.

As pessoas vão buscar por conteúdos pelo Google e ele vai oferecer pelas palavras-chave os vídeos do Youtube.

Educação Financeira

Em minha visão, tudo começa com a dificuldade de inicialmente – na escola e graduação – não sermos ensinados a lidarmos com as próprias finanças.

Mas é possível orientar os clientes nesse sentido.

Os contadores têm as informações da empresa, mas também têm acesso a Pessoa Física, unindo o seu conhecimento com as informações é completamente possível oferecer uma instrução.

imagem que represente pessoa buscando conhecimento
Essa é uma área que oferece muita oportunidade para quem quer estudar e aprender

Na Flui ela indica que eles têm essa parte de consultoria pessoal, de organização financeira e principalmente o suporte para a questão de profissionais liberais que acabam misturando bastante as contas pessoais e da empresa.

Uma contabilidade pode ofertar primeiro um serviço de finanças pessoais e migrar para uma contabilidade ou BPO Financeiro.

Considerando que temos muita gente investindo na bolsa, por exemplo, essa é uma área que os contadores podem explorar.

Evolução do BPO Financeiro

Como é vista pela Nayara essa evolução de BPO Financeiro dentro das empresas de contabilidade?

Ela vê que tem muita gente interessada, mas que não é algo que seja fácil.

É um serviço que tem bastante risco, principalmente porque lidamos com o dinheiro do cliente, por mais que não seja feita a movimentação de fato, mas existe um risco alto.

imagem que represente profissional liberal
O foco deles é atender o profissional liberal, que se sente sem tempo para essas tarefas

É uma oportunidade e é preciso estar preparado, e pensar no seu modelo de negócio.

O foco da Flui é um BPO escalável como a questão da emissão de Nota Fiscal e Boleto, a empresa poderia trabalhar com uma área mais consultiva, mas é um outro modelo de negócio.

Negócios paralelos na contabilidade

Todo mundo tem medo de começar, mas sair da zona de conforto faz parte desse processo.

É preciso começar mesmo com medo.

Vemos empreendedores na contabilidade com “multi-carreiras”, com empresas contábeis e negócios paralelos, por que não focar somente no serviço contábil?

imagem que represente pessoa fazendo mais de uma tarefa ao mesmo tempo
É possível ser bom em várias coisas e aproveitar as oportunidades

Não tem por que escolher um caminho só, se conseguir manter o foco em outras atividades concomitantes, diz Nayara.

Nayara tem 27 anos e trabalha numa empresa que foi fundada pelos seus pais.

Como lidar com esse conflito de gerações?

Ela disse que nunca encontrou resistência ou problema nessa questão, que os pais sempre foram bastante receptivos a novas ideias.

Mas mesmo com o privilégio de ter os pais no comando da empresa, ela sentia falta de mais gestão, a questão de serem empresários de fato e não de ter somente um escritório.

A Flui surgiu porque ela queria uma coisa diferente, queria atingir outro público que não era o da Momesso, ela propôs essa nova sociedade aos pais que tinha mais a sua identidade.

Eles tinham o processo de BPO pela Momesso e esbarraram nessa questão do público que queriam atender, daí surgiu a separação do nome e outras estratégias.

Ela teve que colocar a Flui para rodar e fazer tudo acontecer.

Enfrentou dificuldades iniciais com a captação de clientes, que é comum, e se sente feliz por realizar e desenvolver outros projetos.

Transformação para o digital

A Momesso deixou de ser uma empresa tradicional e está começando esse desafio do digital: buscando novas estratégias de marketing e se fazendo mais presente no digital.

Internamente conseguiram evoluir no aspecto de sistemas e processos, atingindo melhores resultados.

Com um sistema contábil melhor, arquivos na nuvem e o sistema de gestão de processos, a empresa está no caminho certo.

As pessoas entendem a importância de tudo isso, mas é complicado colocar em prática. Só que é preciso começar e se manter no objetivo, pois a mudança não vai ser do dia para a noite.

Corrida contra o tempo

A mudança da empresa para o digital estava programada para 2021, mas com os problemas mundiais que surgiram, foi preciso correr com tudo!

Antes do processo todo de mudança, eles já tinham profissionais de longa data na empresa, que apresentaram uma resistência no começo, mas depois que perceberam as melhorias que poderiam surgir no dia a dia resolveram adotar.

imagem que represente colaborador se recusando de algo
O desafio inicial com os colaboradores é esse: mostrar que o objetivo é sempre melhorar

Nayara faz parte de um grupo de jovens empreendedores do SESCON, e acha muito importante essa rede de apoio, pois tem como trocar ideias.

É importante aproveitar todo o conteúdo disponível, Nayara é muito aderente a eventos contábeis e isso ajuda muito.

Ela diz que é um grande desafio trabalhar em uma empresa familiar.

Quando ela chegou na empresa aconteceram muitos conflitos e foram aprendendo a lidar com as questões ao longo do tempo, mas é difícil de separar o trabalho da família.

imagem que represente conversa entre os colaboradores
É importante entender que cada um tem um ritmo e alinhar o que cada um pode entregar

Hoje a tecnologia traz uma liberdade muito maior para o trabalho contábil, principalmente liberdade geográfica.

É completamente possível prestar um bom serviço de onde quer que esteja, pois existem sistemas, plataformas e o contato simples com o cliente, isso deve ser usado ao seu favor.

Buscando o equilíbrio das finanças

É preciso ter equilíbrio sempre e muita disciplina, principalmente na questão das finanças.

Nesse processo existem elementos de ordem pessoal que têm que estar alinhados com as finanças.

Ao falar de planejamento financeiro falamos de autoconhecimento, é essencial entender o que é importante para você.

É preciso olhar para o que é importante e avaliar no que a gente acredita, adequando as finanças para que seja possível ter uma vida com o que é importante sem deixar de pensar no futuro.

No Brasil não temos a cultura de fazer uma reserva para o futuro, e isso acaba sendo preocupante.

É preciso fazer escolhas inteligentes.

Consultoria financeira

O perfil que chega nas consultorias é o de pessoas que geralmente não sabem para onde está indo o seu dinheiro. A empresa de consultoria faz todo esse levantamento e chega até a parte de investimento, reservas e etc.

Para quem está numa fase muito inicial e se descobrindo, quais as dicas relevantes para evoluir dentro do mercado contábil?

O primeiro ponto é entender para quem você quer trabalhar.

Hoje esse direcionamento não é muito definido, é preciso ter essa clareza e saber quem quer atender, de que forma e como vai se comunicar com esse público.

Para quem não tem experiência no lado financeiro, a jornada de conhecimento para começar a evoluir e atender clientes é muito longa?

Não é muito longa, pois o conhecimento não precisa ser tão profundo para orientações inerentes à organização. É possível entender de forma ampla e ofertar como serviço para os clientes.

imagem que represente pessoa com bom retorno financeiro
Existem muitas possibilidades e chances para ganhar sempre mais

O mercado contábil às vezes se restringe um pouco e não enxerga todas as possibilidades de monetização dentro dessa área.

Hoje temos a tecnologia, que facilita muito o processo de atendimento.

Ainda que a tecnologia esteja disponível ao nosso cliente, o contador faz as consultas e análises de forma melhor.

Há muitas oportunidades de serviço de recorrência dentro da contabilidade.

Existem muitas oportunidades que o contador tem que enxergar melhor.

É importante aproveitar a visão de outros empreendedores contábeis, para buscar evoluir e enxergar além do que enxergam no mundo da contabilidade.

OO que reserva o futuro para a contabilidade?

Os processos mecânicos serão completamente substituídos e é preciso pensar nessa transição pois isso traz um retorno financeiro, isso é fato.

Será preciso procurar outras formas de entregar valor para o cliente, seja na consultoria financeira ou em outros pontos.

Evoluir é essencial para não perder espaço e o futuro exige evolução e entrega consultiva de serviços.

E você pode fazer como a Nayara, empreender e ir além, buscando sempre crescer para todos os espaços possíveis.

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

CADASTRE-SE E RECEBA

E-book Marketing Contábil 2.0 e o E-book 41 Técnicas de Negociação para Contadores