Viajar e gerenciar uma empresa contábil

Ter Empresa Contábil e Viajar pelo Mundo

É comum que casais tenham a ânsia de crescer e empreender juntos na contabilidade.

É um processo desafiador, mas completamente possível.

Além de trabalhar com o seu parceiro de vida na contabilidade você imagina usufruir dos resultados do trabalho contábil através de viagens pelo mundo?

Estar longe do seu escritório é uma realidade impensável para você?

Acompanhe o conteúdo a seguir e veja como este casal de alunos consegue conciliar as atividades da sua empresa e ainda fazer viagens pelo mundo.

Planejamento 

Recentemente estive com Mayara e Pietro, que são um casal e trabalham juntos. Com muito planejamento, além de trabalhar e gerenciar a sua empresa contábil, viajam o mundo juntos.

Vou contar um pouco da conversa que tive com eles e mostrar como eles fazem para que essa rotina dê certo.

A Mayara se inspirou no pai para ingressar no ramo contábil. Ela já atua no mercado há mais de 10 anos e o escritório da família existe há 25 anos.

E o Pietro entrou neste universo depois de conhecer a Mayara, originalmente ele possuía uma imobiliária.

Quando ele começou a conhecer este universo da contabilidade tinha uma visão que muitas pessoas ainda tem: que o contador não faz quase nada e é dispensável.

Depois de conhecer a Mayara e acompanhar o trabalho de perto ele entendeu o quanto trabalha um profissional contábil e sabe que se o contador não desempenhar o seu papel de modo correto pode prejudicar de forma muito séria o empreendedor.

O casal procurou a nossa empresa para se aperfeiçoar no marketing contábil e saíram da Tactus com o desafio de evoluir na estratégia do marketing contábil e implementar na sua empresa melhorias nesse sentido.

Eles disseram que antes de fazer a nossa imersão o marketing “não existia” na empresa deles e que seus clientes vinham praticamente somente por indicação. Mesmo com possibilidades imensas eles não as exploravam.

Quando começaram a notar a importância do marketing para a empresa fizeram uma pesquisa e descobriram que nenhum concorrente fazia um trabalho de marketing digital efetivo e eficiente.

As pessoas na cidade deles acabam investindo muito no marketing tradicional e sequer entendem o marketing digital, pois, se esse investimento fosse feito no marketing digital teriam um retorno absurdamente maior.

Eles indicam que procuraram a nossa imersão, pois foram bombardeados com o nosso conteúdo online e entenderam que é possível impactar clientes da forma como impactamos.

Interesses comuns

Além de buscar melhorias e conhecimento, como casal, eles tem uma visão muito parecida com a minha visão e da minha esposa a Fernanda. 

Nós trabalhamos muito, mas sempre usufruímos os frutos do nosso trabalho, não somente do ponto de vista material, mas sob o ponto de vista de curtir a vida.

Eles disseram que conheceram muitos países juntos, mesmo sendo empreendedores enxergaram que isso é possível.

A questão de conciliar a ideia de viajar e muitas vezes passar até um tempo fora tendo uma empresa é impossível na visão de muitas pessoas na contabilidade, mas não para eles, e porque?

E isso se torna possível, pois, da mesma maneira que em uma empresa contábil é preciso planejar, organizar e implantar processos, eles organizam com muita antecedência suas viagens.

Para concluir o planejamento o casal deve estar em sintonia
É preciso ter os mesmos interesses para que o planejamento seja concluído

Antes de fazer as viagens eles verificam e planejam quem da sua equipe ficará no lugar deles e dará andamento, quem fará os processos, entre outros aspectos. É trabalhoso mas funciona.

O Pietro ainda observou que nunca, para uma viagem ou para qualquer outra ocasião, o empreendedor vai trabalhar com um cenário onde tudo será perfeito e organizado.

Perfeição não existe e se o empreendedor esperar a vida passar e ser perfeita não vai vivenciar experiências.

“O mais importante da vida são as experiências, muito mais que os bens materiais.” (Pietro)

Eles são um casal que dão muita importância para o valor das experiências e não esperam a oportunidade perfeita para isso.

O casal já ficou mais de 40 dias viajando, longe do escritório e é claro que foi desafiador, mas conseguiram alimentar processos e dar auxílio para equipe de longe.

Esse auxílio e acompanhamento é possível através da tecnologia!

Eles viajam com os equipamentos tecnológicos e quando o fuso horário é muito diferente a Mayara disse que acorda de madrugada para acompanhar a sua equipe no Brasil, pois, em tudo na vida há o ônus e o bônus, mas é um “sacrifício” que para ela vale muito a pena.

Viajar e trabalhar com o benefício da internet
Com o uso da tecnologia é possível gerenciar o seu negócio a distância e desfrutar de bons momentos

Portanto, é possível sim ter uma empresa contábil e viajar pelo mundo, basta que isso seja feito com antecedência, planejamento e organização.

E as viagens são o combustível para o empenho do casal, eles sabem que depois de tanto trabalho e dedicação terão como “recompensa” desfrutar de momentos únicos juntos.

Muitos empreendedores contábeis se veem tão presos a operação que eles não conseguem vislumbrar um cenário de passar, por exemplo, 15 dias fora, e estão perdendo experiências que o tempo não trará de volta.

Com programação e uma boa equipe é completamente possível aproveitar os prazeres que uma viagem traz, basta organização e planejamento.

Para isso também é preciso que o casal esteja em sintonia e tenha os mesmos objetivos, um ajuda o outro para que seja possível alcançar os objetivos e sonhos.

Podemos ver que hoje muitas pessoas que alcançaram sucesso em suas carreiras investem no todo, não somente no lado comercial, elas entenderam que para ter uma realização plena é preciso conciliar trabalho com prazer.

2
Deixe um comentário

  Inscreva-se  
Notificação de
Dora Mouzinho

Concordo que com planejamento e uma ótima equipe da para conciliar o trabalho com uma melhor qualidade de vida. Faço isso também e tenho uma empresa contábil.

1
Olá! Em que podemos ajudar?
Clique novamente no botão abaixo e fale conosco!
Powered by