Indicação de Clientes na Contabilidade

Uma das coisas mais antigas dentro do marketing contábil é a indicação de clientes.

Será essa a única coisa que existe como estratégia de marketing contábil?

Ao fazer marketing somente voltado para indicação de clientes tem um processo de limitação para seu escritório de contabilidade, a indicação de clientes não depende diretamente do empreendedor, ele até pode incentivar o cliente, mas não pode obrigar o seu cliente fazer uma indicação.

Outro fator existente para quem começa fazer o marketing de uma empresa contábil recente, e que terá uma situação muito limitada se optar apenas por indicação de clientes.

Se não fizer outra coisa somente indicação de clientes qual será o processo de escala que ele vai ter da venda do seu serviço contábil?

Será muito difícil, pois se ele não tem nenhum cliente ao abrir seu escritório de contabilidade, como vai desenvolver trabalho de indicação, qual a possibilidade de obter resultados efetivos dependendo única e exclusivamente dela.

Marketing na Contabilidade

A indicação ajuda muito dentro desse processo, mas não pode ser a única alternativa, dizer que a indicação é o único marketing que deva usar é completamente equivocado.

Você realmente deve usar a indicação de clientes, mas precisa fazer outras coisas pra ajudar dentro desse processo de marketing na contabilidade, pois falando disso existem outras coisas que as pessoas fazem, mas nem percebem que estão fazendo marketing.

Por exemplo, quando um empresário cria o site da sua empresa independentemente de usar o site de forma efetiva ou não, a ação de criação do site é marketing.

Assista:

Quando faz o impresso, cartão de visitas, um folder ou coloca uma placa na frente do seu escritório ou quando faz um processo com panfleto ou entregar pro seu cliente, até mesmo quando faz a troca de cartão com alguém que está conversando, e aproveita a possibilidade de falar do seu serviço, todos esses são processos de marketing contábil.

O marketing pode ser abordado por uma infinidade de lados, olhando para o campo da internet quando cria uma página no Facebook, quando você monta um artigo ou coloca um conteúdo, trabalha num grupo respondendo alguma pergunta, enfim qualquer coisa que faz de uma maneira ou de outra desenvolve a atividade de marketing, então é muito difícil encontrar hoje um profissional de sucesso que dependeu única e exclusivamente da indicação de clientes.

Muitos profissionais acabam mensurando o resultado que tem somente pela indicação, porque foi à coisa mais efetiva que fizeram em sua opinião, quando, por exemplo, um cliente veio por indicação e percebe que aquele cliente contratou o serviço, e isso acontece na semana seguinte, na outra e aí ele imagina que o único resultado que terá em marketing é investindo na indicação de clientes.

Conquista de clientes na contabilidade

Se pensar que a indicação é a única alternativa que tem é porque não aprendeu ainda o marketing contábil corretamente, quando fizer marketing contábil corretamente vai fugir dessa dependência da indicação vai criar um processo de atração, fazer com que a sua marca se envolva no mercado que atua e consequentemente se torna mais conhecida quando cria o seu nome pessoal atrelado à marca da sua empresa contábil.

Um exemplo que posso utilizar é a minha empresa a Tactus, onde sou o profissional dentro dela que mais a difunde a prospecção dentro dos mercados que atuamos, assim há uma associação direta da minha marca pessoal com a marca da minha empresa que é a Tactus, consequentemente isso traz resultados abrindo possibilidades para conseguir novos clientes.

Assim eu não dependo exclusivamente da indicação. Quando olha os grandes cases do mercado como nos vemos hoje nenhum deles depende exclusivamente de indicação, ela é importante, mas não é a única estratégia que ele tem senão ele não terá resultados efetivos.

rui-cadete-anderson-hernandes

Olhando os grandes nomes no mercado como o Rui Cadete, em Natal/RN transformou um mercado relativamente pequeno comparado ao mercado que temos em SP, e ele conseguiu ser uma referência lá, ele não conseguiu tudo isso simplesmente dependendo de indicação, ele fez um trabalho de marketing efetivo.

Outro exemplo importante é o trabalho do Bruno Lanna, ele tem feito um trabalho efetivo para poder conquistar clientes.

Bruno-lanna-anderson-hernandes

Analisando também o trabalho que o Marcelo tem feito no Paraná, é um trabalho efetivo numa cidade bem pequena que é Maringá, mas ele tem um resultado satisfatório pelo investimento que ele está fazendo em marketing contábil.

Isso tudo é pra deixar claro que a indicação não é a única estratégia que tem dentro do seu marketing.

imersão-de-marketing-contábil-anderson-hernandes

É bom deixar claro pra que ela é importante e fundamental, tem que investir de forma com que o seu cliente te indique, mas tem maneiras de fazer isso com o marketing pra incentivar esse processo de indicação.

Além disso, terá outras muitas possibilidades de prospecção de clientes na contabilidade.

É possível fazer muito mais que indicação com uma estratégia ampla do marketing contábil.

Ela te ajudar a ter melhores resultados, nunca deixe de investir em indicação, mas não pense que ela é a única alternativa pros seus negócios, o mundo do marketing é muito amplo, e você pode ir muito longe se entender, se seus clientes só vêm através de indicação deve repensar o seu marketing, ele tem algo de errado.

Fazer um tipo de marketing correto é essencial para o crescimento e sucesso da sua empresa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.