CHEGOU O MOMENTO DE AGIR PARA SALVAR A CONTABILIDADE

Estamos vivendo uma fase indiscutivelmente difícil para todos, mas para o empreendedor ela acaba sendo ainda mais difícil.

Em meio tantas coisas, como colocar a cabeça no lugar e focar no que deve ser feito no momento?

A primeira coisa que deve ser feita é identificar quais as ações emergenciais que a sua empresa contábil precisa e quais ações a serem tomadas do ponto de vista estratégico.

O que são ações emergenciais?

As ações emergenciais são o que chamamos da primeira fase desse processo de calamidade que o Brasil está vivenciando e que recai sobre cada empresa.

A primeira delas é conseguir fazer com que a sua empresa opere a distância.

Se você ainda não vive uma realidade de contabilidade digital na sua empresa, entenda uma coisa, você não vai se transformar sua empresa neste momento, não é factível.

Quando nós transformamos a Tactus numa empresa digital, levamos dois anos para transformar e fazer tudo que tinha que ser feito.

Mas é claro que hoje com essa situação você terá que partir para o digital.

O processo de transformação em prática

A primeira coisa envolve o seu servidor.

Você precisa ter condições que seus profissionais acessem os seus servidores via Home Office, é o primeiro passo a cuidar.

Existem alguns modos para resolver isso, como colocar o seu servidor na nuvem, ou levar o servidor para sua casa dar acesso remoto, ou mesmo deixar o servidor escritório e liberar acesso remoto, você precisa ter uma opção, isso é emergencial.

Se o seu time não fizer home office, consequentemente impactará o seu negócio, é uma ação emergencial prioritária.

Além disso, é importante pensar em ferramentas de comunicação para o seu cliente para a troca de arquivos.

São medidas emergenciais e você não pode pular nesse momento.

Todo esse cenário está mudando as MPs, estão fazendo muitas medidas emergenciais neste momento que não podem ser ignoradas.

Não há tempo para esperar tudo isso que está acontecendo agora requer ações emergenciais.

Você não pode deixar que o pânico se instaure, isso tira completamente a sua visão estratégica do negócio.

Esse momento é o momento de trabalhar mais, respirar e colocar as coisas para fluir na sua empresa.

Ao levar o seu time para home office, você não pode simplesmente mandar seu time para a casa e abandoná-los, eles não sabem trabalhar como home office e você como gestor precisa coordenar esse processo.

Saindo da questão emergencial, passamos para a coordenação de fatores estratégicos. Nessa fase é preciso coordenar o trabalho remoto, é preciso entender como organizar o trabalho.

Ações estratégicas

Na Tactus, por exemplo, tivemos que fazer mudanças de função. Contávamos com três pessoas na legalização, mas agora não teremos, durante um tempo, atividades para legalização, não haverá abertura de empresas ou encerramento.

Por isso estamos organizando as coisas, realocando as pessoas em outras funções.

Você precisa ter clareza, colocar a sua mente para pensar estrategicamente em relação ao seu negócio.

Haverá “baixas” no time. Faz parte do jogo ter que demitir profissionais. Desde o dia 20 de março, já tivemos que demitir 5 pessoas, não existiria função para elas.

No nosso departamento comercial, por exemplo, contávamos com cinco pessoas e a demanda despencou, tínhamos quatro pessoas aqui e uma em BH.

Nesse momento é preciso entender que existem decisões importantes a serem tomadas, porque isso acaba impactando o seu caixa.

imagem que represente degraus
Faz parte do jogo, dar alguns passos atrás para depois retomar o crescimento e dar passos à frente

Esse é o momento estratégico de execução estratégica do negócio.

É preciso começar também a olhar um a um dos clientes que são impactados e pensar em que tipo de negociação fará com esse cliente.

É importante tentar entender como você vai salvar a sua empresa contábil e ao mesmo tempo salvar os seus clientes, ajudando-os de alguma maneira.

Você sozinho não vai salvar o seu cliente, mas esse é o momento de ajudar e fazer a diferença.

Contabilidade consultiva

Hoje em dia falamos muito sobre contabilidade consultiva, chegou a hora de mostrar suas habilidades de consultor para o seu cliente.

Mas tudo isso com uma observação: não é o momento para cobrar por isso.

Esse é o momento de prestar consultoria para o seu cliente, mas entender que não pode cobrar, pois salvando ele está também salvando o seu negócio.

imagem que represente pessoa estudando, analisando
Chegou o momento de trabalhar mais e de agir mais rápido

E é nesse momento que você precisa preservar o seu caixa e traçar um plano para os quatro meses, em média, de crise que teremos pela frente.

Você precisa colocar a sua cabeça no lugar para fazer tudo isso.

Estamos trabalhando na Tactus mais de 16h por dia, depois do início da crise.

Eu preciso entender plenamente este momento, pois o meu cliente precisa de mim, os meus profissionais precisam de mim, a minha empresa precisa de mim.

Eu preciso pensar estrategicamente no meio de tudo isso, não posso deixar que esse turbilhão de acontecimentos tire minha clareza.

Aposte nas conexões

Nesse cenário de caos, é possível avaliar ainda a importância do networking e de estar nos grupos certos.

O momento agora é de olhar para o nosso negócio, fazer e que tem que ser feito, de ser realmente o gestor da nossa empresa contábil  e consumir conteúdo de valor.

Consuma bons conteúdos, estamos quase que diariamente produzindo lives, eu e outras pessoas que podem te ajudar realmente com conteúdo direcionado.

Nesse momento de crise é imprescindível consumir conteúdo de valor.

Todos estão engajados, produzindo muito conteúdo de valor para salvar o Brasil. Faça uma análise com frieza sobre qual tipo de conteúdo fará sentido para você neste momento.

imagem que represente pessoa como o centro, algo como fazendo o gesto de levantar a mão
É preciso levar muito a sério situação que estamos passando e entender que é você o grande responsável pelo seu negócio contábil nesse momento

Chorar e reclamar não fará diferença nenhuma para salvar o seu negócio.

O seu negócio vai ser salvo somente se você trabalhar para isso.

Eu estou trabalhando para salvar o meu negócio e ao mesmo tempo parando para produzir conteúdo para meu público.

Tudo isso porque eu estou preocupado com o meu negócio, mas estou preocupado também com o seu negócio, e o negócio de todos os contadores do Brasil.

imagem que represente Anderson Hernandes gravando vídeo
Esse é o momento de salvar a contabilidade e ajudar a salvar nossos clientes

Muita gente vai se perder no caminho, porque estamos vivendo um momento de guerra.

Na guerra muitas pessoas acabam se perdendo, infelizmente isso é fato.

Sabemos que muitas empresas não vão conseguir superar e não vão conseguir passar por essa crise infelizmente.

Muita gente já vinha com problemas estruturais, de caixa, de gestão e já apresentavam problemas, num momento de crise como esse, eles estão mais suscetíveis a acabar com a empresa.

Todos foram pegos de surpresa, inclusive nós.

Estávamos numa fase de investimento e fomos pegos de surpresa, mas nós mudamos o curso do jogo na mesma hora e continuamos ajustando o curso diariamente.

Não dá mais para ser mais empresa contábil que você era antes da crise, tudo muda.

É preciso estar com quem vai te ajudar, e eu estou com você para te ajudar nesse ponto.

Nós vamos sair dessa, eu tenho plena certeza de que vamos sair dessa, porque estamos envolvidos em ajudar você.

É preciso que você faça sua parte, como eu estou fazendo a minha, para salvar o seu negócio contábil.

imagem que represente força, determinação
Nenhum negócio é imune!

Nesse cenário de crise até mesmo grandes de contabilidade estão tendo problemas, vivemos uma pandemia mundial, não importa a classe, ela será afetada,

Precisamos nos unir para seguir nessa jornada.

Deixe um comentário

  Inscreva-se  
Notificação de
WhatsApp chat
Telegram